UNAMA | Ser Educacional Unama
02 Outubro
Belém
Ação universitária: conscientização ambiental no Bosque Rodrigues Alves
Por Cacilena Moura

Ação universitária promoveu a conscientização ambiental no Bosque e a UNAMA realizou uma programação alusiva ao Dia Mundial da Limpeza.
 
Para mobilizar a população paraense a ter atitudes mais sustentáveis e a conscientizar sobre os problemas ambientais enfrentados na Amazônia, a UNAMA - Universidade da Amazônia promoveu uma ação referente ao Dia Mundial da Limpeza. A inciativa ocorreu nos dias 18 e 19 de setembro, no horário das 8h às 12h, no Busque Rodrigues Alves, localizado no bairro do Souza. O evento gratuito e aberto ao público.  
 
Dentre as atividades realizadas: a coleta de resíduos; horta vertical; orientação de descarte de medicamentos; oficina de construção de brinquedos com materiais recicláveis, brinquedoteca itinerante e orientação sobre descarte correto de resíduos.  
 
A integrante do Núcleo de Responsabilidade Social da UNAMA, Regina Cleide, explica que a ação está inserida em um contexto nacional, no qual a Amazônia é foco de atenção e preservação. “O núcleo de responsabilidade social da UNAMA, juntamente com os cursos que estiveram presentes nessa grande ação social mobilizadora para a questão da mobilização ambiental. "Em um momento de tantos impactos que o mundo vem passando, nós precisamos cuidar da questão ambiental".  Nosso papel enquanto moradores da Amazônia é trabalhar essa conservação. A ação promove uma conscientização para cuidar e preservar a fauna e a flora da nossa região”, afirmou a professora.  
 
A ação social promovida pelo Núcleo de Responsabilidade Social da UNAMA, em conjunto com os cursos de graduação da Universidade, tem o objetivo de fazer um marco de conscientização junto com os frequentadores do Bosque Rodrigues Alves, alusivo ao Dia Mundial da Limpeza, celebrado no dia 18 de setembro. A ação é uma parceria entre a Universidade e o Instituto Limpa Brasil.

12 Novembro
Belém
1ª Ação do Projeto de Extensão "Pegadas de um biólogo na Amazônia"
Por Roberta Raiol

O nome "PEGADAS" foi concebido a partir da reflexão sobre as marcas que nós seres humanos estamos deixando como registro de nossa passagem no planeta. A importância dessa reflexão gira em torno do tipo de marcas/registros que queremos deixar para as próximas gerações e como isso poderá impactá-las. 
 
É alarmante a forma imediatista de lidar com o "lixo" em nossa cidade e, na verdade, a falta de manejo quando entendemos que conceitualmente, o termo resíduo se refere a tudo que é gerado pelo ser humano e tem a possibiliadade de aproveitamento. Essa falta de entendimento se reflete na forma equivocada que lidamos com estes materiais. 
 
Essa falta de compreensão, nos leva à duas problemáticas principais: 1. a falta de responsabilização diante do que é consumido e indevidamente descartado; 2. a omissão diante da falta de políticas públicas que também valorizem o princípio básico de um resíduo, que é o reaproveitamento.
 
Integrar a ação aos esportes aquáticos foi pensado como forma de também sinalizar para as potencialidades que nossos rios possuem quando saudáveis, construindo um grande esforço que ainda é necessário para utilização dos nossos recursos naturais de forma sustentável.
 
A 1ª ação do Projeto "Pegadas de um Biólogo na Amazônia", relacionada à responsabilidade socioambiental, sendo coordenado pela Profª Drª Ana Carla Feio, do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade da Amazônia, em parceria com “Amazon Kite e SUP” e “Caruanasvaa”.
 
A ação foi organizada em dois momentos importantes, no dia 25/09 (8h-12h) foi realizada a coleta ativa no Rio Maguari (Marina Canto da Ilha), utilizando a prática de stand up paddle e canoagem em canoas havaianas. Já no dia 26/09 (8h-12h) o foco foi a coleta no Rio Guamá, Complexo Ver-o-rio, contudo, a ação de coleta de resíduos também será estendida à "prainha", local em que a problemática é mais visível, devido à recreação local na Orla da Capital, gerando um impacto visual dos resultados da ação e com isso a reflexão também dos espectadores.
 
Participaram cerca de 28 alunos entre os cursos de Ciências Biológicas e Engenharia Sanitária e Ambiental, professores e coordenadores de curso e do programa pibic/unama/ser educacional (no qual o projeto foi aprovado no último edital com bolsista e voluntários).
 
Veja a FOTOS DOS MELHOR MOMENTOS em nossa GALERIA.