UNAMA | Ser Educacional Unama
26 Dezembro
Belém
Jornada de Trabalho de Conclusão de Curso de Enfermagem
Por Hallessa Pimentel

O curso de enfermagem da Unama Alcindo Cacela realizou, nos dias 13 e 14 de Dezembro, a Jornada de Trabalho de Conclusão de Curso com a qualificação e defesa de projetos dos acadêmicos do nono e décimo semestre. A professora MsC. Margareth Maria Braun Guimarães Imbiriba, supervisora geral do evento, afirma que gerenciar o evento pode ser um momento de tensão por representar o ponto que marca o início da jornada acadêmica e qualificação para o mercado de trabalho. Além disso, a professora MsC. Margareth Braun garante a gratificação ao acompanhar o crescimento intelectual e científico dos acadêmicos.

O momento de aprovação do projeto após a defesa mostrando sua justificativa e interação com a sociedade representa um dos pontos mais definitivos da jornada. A aluna Camila Ribeiro Messias, aluna do décimo semestre, definiu que sua força de vontade, foco e superação conduziram à aprovação final do seu trabalho de conclusão de curso. A aluna Tamires de Nazaré Soares, aluna do décimo semestre, trouxe como resultado da defesa, o reconhecimento dos professores e colegas ao prestigiarem essa vitória ao lado de sua família, afirmando que a participação e apoio familiar são essenciais nessa caminhada de finalização da graduação.

Confiram na galeria de fotos os momentos de interação entre os acadêmicos concluintes e os professores da UNAMA:

Tags: 
02 Dezembro
Belém
Dia 01 de Dezembro é o Dia Mundial da Luta contra a AIDS
Por Hallessa Pimentel

O dia 01 de Dezembro é o Dia Mundial da Luta contra a AIDS e alunos do terceiro semestre do Curso de Enfermagem estão envolvidos em um projeto importante nesta causa.

Sabe-se que no Brasil desde o início da epidemia de AIDS até junho de 2014, foi registrado 757.042 casos de Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (SIDA/AIDS), em torno de 20 novos casos por 100 mil habitantes (UNAIDS, 2014). No estado do Pará o registro de pessoas infectadas pelo vírus da AIDS aumentou nos últimos anos, principalmente em municípios do interior do Pará, segundo a Secretaria de Saúde do Estado, apenas 30% dos casos são registrados na capital, os outros 70% acontecem no interior. A síndrome também atinge a população do município de Barcarena com maior número de contaminados (SESPA).

Leia mais: No dia Mundial de Luta contra a AIDS, entenda a diferença entre AIDS e HIV

O projeto dos alunos da turma 3NMA, tem como tema Conscientizar para Mudar, é um projeto de pesquisa e extensão que visa a PROMOÇÃO DA SAÚDE E PREVENÇÃO DE DST/HIV/AIDS EM ESTUDANTES DAS ESCOLAS PÚBLICAS DO ESTADO DO PARÁ. Tem como objetivos caracterizar perfil de vulnerabilidade à DSTs/AIDS em escolas públicas estaduais, verificar o conhecimento dos estudantes sobre a prevenção, transmissão, sinais e sintomas da SIDA/AIDS e verificar se há diferença entre gêneros em relação à percepção da SIDA/AIDS, afirma o Aluno Everton Wanzeler, membro do projeto.

Incialmente este projeto está sendo executado no município de Barcarena, nas escolas EEEM José Maria de Moraes, EEEFM Prof. José Maria Machado e a EEEM Palmira Gabriel.  O mesmo conta com seis  discentes (Brenda Caroline Martins, Cristian Jhons Conceição do Rosário, Everton Luís Freitas Wanzeler, Glenda Forlan Cunha Necy, Maria Nathalia Lima da Silva e Rafaela Reis de Santana)  é orientado pela Prof.ª MSc. Ivete Furtado Ribeiro Caldas.

Segundo Everton Wanzeler o projeto contribuirá para uma análise crítica e reflexiva dos temas relacionados à AIDS e DSTs, além de poder contribuir junto aos órgãos competentes para as políticas públicas para que sejam adotadas em relação aos jovens na prevenção da AIDS e DSTs. 

Segundo o portal oficial do Ministério da Saúde que trata sobre a temática: "saber do contágio pelo HIV precocemente aumenta a expectativa de vida do soropositivo. Quem busca tratamento especializado no tempo certo e segue as recomendações do médico ganha em qualidade de vida. Além disso, as mães soropositivas têm 99% de chance de terem filhos sem o HIV se seguirem o tratamento recomendado durante o pré-natal, parto e pós-parto. Por isso, se você passou por uma situação de risco, como ter feito sexo desprotegido ou compartilhado seringas, faça o exame!"

O ministério da Saúde ainda informa que: "o diagnóstico da infecção pelo HIV é feito a partir da coleta de sangue. No Brasil, temos os exames laboratoriais e os testes rápidos, que detectam os anticorpos contra o HIV em até 30 minutos, colhendo uma gota de sangue da ponta do dedo. Esses testes são realizados gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), nas unidades da rede pública e nos Centros de Testagem e Aconselhamento - CTA (ver localização pelo país). Os exames podem ser feitos inclusive de forma anônima. Nesses centros, além da coleta e da execução dos testes, há um processo de aconselhamento, antes e depois do teste, para facilitar a correta interpretação do resultado pelo paciente. Também é possível saber onde fazer o teste pelo Disque Saúde (136) - MINISTÉRIO DA SAÚDE.

Iniciativas como estas são muito importante na luta contra a AIDS. E todos nós devemos vestir esta "camisa"! Previnam-se! Lembrando que os testes são gratuítos e disponiveis nas unidades de saúde.

 

Tags: 
23 Novembro
Belém
UNAMA realiza I Roda de Conversa em Psiquiatria Multiprofissional
Por Hallessa Pimentel

No dia 14 de novembro foi realizado o I Roda de Conversa em Psiquiatria Multiprofissional: Uma Visão Assistencial. O evento reuniu os alunos da UNAMA de diversos semestres. O encontro foi realizado no auditório David Mufarrej, das 8h às 12h e das 14h às 20h. 

Os participantes ganharam 20 horas de atividade complementar. Para se inscrever, os interessados tiveram que dar cobertores ou lençóis, que serão doados para moradores de rua no mês de dezembro.

 

23 Novembro
Belém
UNAMA realiza divulgação da Semana Azul e Dia Mundial da Diabetes
Por Hallessa Pimentel

Alunas da unidade Belém da UNAMA realizaram, nesta quinta-feira (23), a divulgação da Semana Azul, em apoio do Dia Mundial da Diabetes. O veento tem como finalidade chamar a atenção dos alunos, dos futuros profissionais de saúde, da comunicação social e da comunidade em geral para a problemática da Diabetes Mellitus.

Na ocasião foram realizadas orientações sobre a doença, verificação de PA e glicemia, IMC e sorteios com os alunos e funcionários da instituição.

23 Novembro
Belém
UNAMA fornece apoio aos alunos que fizeram o Enade 2016
Por Hallessa Pimentel

No último dia 20 de novembro, os acadêmicos do curso de Enfermagem realizaram o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), que avalia o rendimento dos concluintes dos cursos de graduação, em relação aos conteúdos programáticos, habilidades e competências adquiridas em sua formação. A UNAMA esteve nos locais de prova para dar apoio aos concluintes. Na ocasião foram distribuidos kits para realização da prova, contendo caneta, água e um lanche para os candidatos.
 

Confira a galeria:

23 Novembro
Belém
Confira os horários de aplicação das avaliações 2016.2
Por Hallessa Pimentel

Os estudantes dos segundo ao oitavo períodos de enfermagem da UNAMA já podem conferir os horários de aplicação das avaliações 2016.2. As provas serão aplicadas em novembro e dezembro, com datas diferentes, de acordo com a disciplina. Os cronogramas completos podem ser conferidos no campo "Anexo" abaixo.

09 Novembro
Pará
Aprenda a elaborar o currículo ideal
Por Taísa Silveira

O currículo, é a primeira etapa de um processo de seleção de emprego, sua elaboração correta é fundamental para o candidato se destacar. O currículo tem que estar bem ajustado para a vaga pretendida, porque é através dele que o empregador tem a primeira impressão do candidato.

Em um exemplo do que não fazer, está num currículo onde o candidato se desfaz em elogios a ele mesma: “responsável, determinado, ativo, organizado”. Ele só destaca as qualidades sem apresentar as experiências.E quando o recrutador conhece o candidato e percebe que ele não é tudo aquilo que diz ser, é tarde demais: a má impressão já foi criada.

A imagem do candidato também pode ser prejudicada pelos excessos na apresentação do currículo. Use duas folhas, três no máximo, isso se o seu currículo for extenso; imprima em papel branco, nada de enfeite ou cores. Caso não utilize uma pasta L, é bom grampear as folhas impressas para que não se percam. Um currículo organizado em tópicos, bem objetivo, é sempre melhor que um cheio de informações confusas.

Dados pessoais são importantes, portanto nome, estado civil, endereço e telefone devem constar no seu currículo. Coloque essas informações sempre no início da folha. Não precisa usar números de documentos como CPF e RG. Lembre-se de acrescentar um e-mail ativo, mas cuidado, para não ser algo como “gatinha@”. Se você tiver e-mails apenas assim, crie um que tenha um perfil profissional.

Selecionamos algumas dicas importantes que você deve sempre estar atento na hora da elaboração do seu currículo. Veja:

• Coloque em seu objetivo a sua função, ou cargo a que você está se candidatando.

• Na formação acadêmica comece sempre pelo curso mais recente; não precisa colocar tudo o que você estudou, só os cursos que têm a ver com o cargo que você pretende; não esqueça de citar a instituição em que se formou e a data; neste tópico pode falar os cursos de idiomas.

• Qualificação. Muito cuidado com a forma que você se apresenta. Observe bem os adjetivos usados e nada de elogios excessivos; escreva o que você sabe fazer e suas experiências. Se já fez um intercâmbio, não deixe de colocar no seu currículo.

• Atividades profissionais. Coloque onde trabalhou, os cargos que exerceu e as datas; se puder, conte um pouco do que realizou enquanto esteve na empresa; seja direto, não precisa falar de todas as empresas que já atuou, conte somente sobre os três últimos empregos.

• Faça uma revisão minuciosa, não deixe passar erros de português; não enfeite as letras, não grife, não faça destaques coloridos. Lembre-se: simplicidade é a chave.

O currículo é sempre a primeira etapa de um processo de seleção de emprego por isso faça tudo certo, pois pode não haver uma segunda chance.

09 Novembro
Belém
Currículo incrível: a porta de entrada para o mercado de trabalho
Por Taísa Silveira

Com tantas pessoas disputando vagas no mercado de trabalho, é importante que os profissionais em busca de oportunidades saibam valorizar suas qualificações para se destacar dos concorrentes. 
É fundamental que o currículo do candidato demonstre seus diferenciais de forma clara e objetiva. Atualmente as empresas estão abrindo mão dos processos seletivos tradicionais, e estão buscando candidatos em plataformas online de hospedagem de currículos. Sabendo disso quem procura emprego precisa saber como usar a tecnologia a seu favor. 
 
O Grupo SER EDUCACIONAL possui uma ferramenta inteligente de oferta de vagas chamada PORTAL DE CARREIRAS, que filtra, entre todos os candidatos cadastrados, somente aqueles que estiverem de acordo com as características e qualificações necessárias para a vaga disponível. Esta tecnologia é ótima tanto para o candidato quanto para o recrutador, porque cada um dos lados descreve de forma simples e direta o que procura e a plataforma conecta candidato e empregador, garantindo uma seleção rápida e eficaz. 
 
O PORTAL DE CARREIRAS é uma ferramenta muito eficaz e que funciona como vitrine para os candidatos às vagas disponíveis no mercado. É fundamental que aqueles que estejam em busca de uma oportunidade saibam enfatizar em seu currículo seus pontos fortes para conseguir maior destaque entre os demais.
Para ajudar quem está pleiteando uma vaga a montar um currículo que valorize suas potencialidades, elencamos cinco pontos que não podem faltar no currículo, e podem destacar o profissional entre os demais candidatos: 
 
1. Formação acadêmica. Evidencie cursos de especialização voltados para a sua área de atuação e domínio de outros idiomas. Esses são grandes diferenciais. Formação é a base de um bom currículo, especialmente para quem possui proficiência em outros idiomas. É importante que, mesmo não sendo fluente, o candidato indique se está fazendo um aprimoramento em língua estrangeira. Este já é um grande começo.
 
2. Resultados obtidos e desenvolvimento de projetos. Destaque suas conquistas em empregos anteriores que valorizam e diferenciam o seu desempenho profissional.
 
 
3. Conhecimentos de informática. Muitas profissões exigem conhecimentos técnicos e ter o domínio destas ferramentas digitais é de extrema relevância.
 
4. Ressalte as empresas de renome as quais você já passou. Valorize suas experiências em empresas conhecidas pelo grande público. Ter passado por empresas solidificadas no mercado causam uma boa impressão e saltam aos olhos dos empregadores. 
 
5. Aponte viagens realizadas para o exterior: Viagens feitas para outros países, seja a trabalho ou para estudo, devem ser destacadas pois sempre trazem uma bagagem cultural e profissional diferenciada.
 
Mas não basta saber o que valorizar na hora de construir o currículo, é preciso saber também o que não deve ser mencionado. Por isso vamos mostrar cinco pontos que devem ser evitados para não desfavorecer quem procura um novo emprego:
 
1. Não valorize pontos fracos. Se o conhecimento em alguma área for básico, não o mencione. Isso pode fazer com que o entrevistador perca o interesse no restante do currículo.
 
2. Seja objetivo. Não repita informações em todas as empresas no campo de descrição das atividades. Seja específico e claro na descrição das atividades que desempenhava.
 
3. Não se mostre indisponível. Se não possui disponibilidade de horário e viagens e a empresa ainda não solicitou estas informações, não destaque no currículo. Você pode parecer inflexível.
 
4. Seja claro. Especifique a área/vaga que está se candidatando.
 
5. Direcione o currículo. Quando estiver se candidatando para vagas específicas, evite dedicar muito espaço do currículo para experiências que não contribuam para a atividade daquela oportunidade.
 
Seja cuidadoso com seu currículo, ele é a sua porta de entrada para o mercado de trabalho.

09 Novembro
Belém
Inteligência emocional para gerenciar emoções
Por Taísa Silveira

A inteligência emocional é a capacidade de entender e gerenciar as emoções de maneira positiva, comunicar de forma eficaz, ser empático com os outros, superar desafios e resolver os conflitos. Se você tem uma alta inteligência emocional você é capaz de reconhecer o seu próprio estado emocional e os dos outros, e usar essa compreensão para se relacionar melhor com as pessoas. A capacidade de transformar relações ruins em saudáveis, ajuda também a obter sucesso no trabalho e levar uma vida mais equilibrada.
 
Para ter sucesso na inteligência emocional você deve reconhecer suas próprias emoções e como elas afetam seus pensamentos e comportamento, conhecer seus pontos fortes e fracos, e ter autoconfiança.
 
Precisa ser capaz de controlar os sentimentos e comportamentos impulsivos, controlar seus sentimentos de maneira saudável, tomar a iniciativa, acompanhar, através de compromissos, e adaptar-se às novas circunstâncias.
 
É necessário entender as emoções e preocupações de outras pessoas, se sentir confortável socialmente, e reconhecer as dinâmicas de poder em um grupo ou organização. Saber como desenvolver e manter boas relações, comunicar com clareza, inspirar e influenciar os outros e trabalhar bem em equipe também são características de uma pessoa com a inteligência emocional bem desenvolvida
 
Mas, por que a inteligência emocional é tão importante?   
 
Como sabemos, nem sempre as pessoas mais inteligentes são as mais bem-sucedidas e realizadas. Você deve conhece pessoas que são altamente instruídas no entanto não são muito sociáveis no trabalho ou nas relações pessoais. 
 
Sua formação acadêmica pode ajudá-lo a nos estudos, mas é a sua Inteligência emocional que o auxiliarão no domínio das emoções quando precisar passar por provas e exames, pro exemplo. A inteligência emocional pode serve para a pessoa saber lidar facilmente com o ambiente social do local de trabalho, liderar e motivar os outros, e se destacar em sua carreira. Na verdade, quando se trata de selecionar os candidatos, ter a inteligência emocional bem desenvolvida acaba sendo tão importante quanto a capacidade técnica para o cargo.
 
O desenvolvimento da Inteligência Emocional ajuda a tornar as pessoas em seres mais equilibrados, em alguém que escolhe influenciar o ambiente, a se deixar influenciar por ele, em um indivíduo que decide controlar suas emoções em vez de permitir que outras pessoas as controlem, e que age de maneira equilibrada com os outros, transmitindo segurança, transparência e confiança.
 
Gostou do nosso conteúdo? Deixe aqui o seu comentário!