UNAMA | Ser Educacional Unama
06 Maio
Ananindeua
Curso de arquitetura e urbanismo promove ação social
Autor: Camilla Penna
O projeto se propõe a atender pessoas e famílias em situação social vulnerável da região metropolitana de Belém e Ananindeua e periferias

Em tempos de pandemia, nunca vivida antes por nossa geração, arquitetos, ao redor do mundo têm empregado seus conhecimentos específicos no combate ao novo coronavírus. Desde projetar estruturas temporárias para construir hospitais de campanha em tempo recorde, até desenhar versões alternativas de equipamentos de proteção individual, a atuação do arquiteto aparece como alternativa de geração de ambientes saudáveis.

Nesse contexto, o curso de arquitetura e urbanismo, da UNAMA Ananindeua, através do escritório de inovação e sustentabilidade, decidiu retomar o projeto "Arquitetura Social", que tem como foco inovação, responsabilidade social e empatia. Em tempos de isolamento social, onde nossa casa sai de lugar dormitório e vira o nosso universo inteiro, o espaço (e como nos relacionamos com ele) passa a ser ainda mais importante para nossa saúde mental e física.

Por isso, juntamente com o Núcleo de Responsabilidade Social, este projeto se propõe a atender pessoas e famílias em situação social vulnerável da região metropolitana de Belém e Ananindeua e periferias, através da escuta sobre os usos dos espaços que habitam e as necessidades exequíveis para buscar soluções esquemáticas de baixo custo, que possam impactar positivamente na prevenção de alastramento do novo corona vírus, ou mesmo no alcance de uma forma de uso mais confortável do espaço, através de adequações estratégicas para saneamento, conforto ambiental e organização desses ambientes.

O projeto tem como objetivo minimizar os impactos na saúde da família, que são desafiadores frente à nova realidade que atinge diretamente os mais vulneráveis. Os alunos participarão como voluntários e orientados pelos professores do curso atenderão à essas famílias e pessoas que necessitem. Arquitetura também é saúde!

Comentários